Pages

sexta-feira, 5 de janeiro de 2018

MINISTRO DIZ QUE R$ 500 MILHÕES DA SAÚDE PUDERAM SER MOEDA DE TROCA

Por Rogerio Palhano   Postado  sexta-feira, janeiro 05, 2018   Sem Comentários

O ministro da Saúde, Ricardo Barros (PP), afirmou nesta 5ª (4.jan.2018), que sua pasta separou R$ 500 milhões em 2017 em emendas de congressistas ao Orçamento cuja
liberação não era obrigatória. Questionado se esse tipo de emenda pode ser usada como “moeda de troca” com o Congresso, o ministro afirmou que sim. “Podem, são liberalidades do governo. Isso é inerente a quem governa.”

O ministro já anunciou que deixará o governo até abril para concorrer à eleição como deputado. Disse que seu substituto ainda não foi definido, mas que o PP indicará 1 novo nome.

Barros trabalhou com afinco para que a Câmara barrasse o prosseguimento das denúncias apresentadas pela Procuradoria Geral da República contra o presidente Michel Temer. O Planalto saiu vencedor. Ele fará o mesmo agora na votação da reforma da Previdência.

O ministro defendeu que os partidos do chamado Centrão precisam ter 1 único candidato nas eleições de 2018.
PODER360

Sobre o autor

Adicione aqui uma descrição do dono do blog ou do postador do blog ok

0 comentários:

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Voltar ao topo ↑
RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES

© 2013 IpuemFoco - Rádialista Rogério Palhano - Desenvolvido Por - LuizHeenriquee