Pages


quinta-feira, 4 de novembro de 2021

FIM DA PANDEMIA?? PREFEITURAS PREPARAM CARNAVAL 2022

Por ipuemfoco   Postado  quinta-feira, novembro 04, 2021   Sem Comentários


Um dia após o secretário da Cultura de Fortaleza, Elpídio Nogueira, confirmar ao Diário do Nordeste a elaboração de

um edital para dar direcionamento à realização do Pré-Carnaval de 2020, as principais cidades do Interior, com ampla tradição no evento, informaram à reportagem que seguem o mesmo caminho e já vislumbram a realização da festa, cancelada no último ano, devido à pandemia da Covid-19.


Diário do Nordeste apurou que a confirmação oficial da realização depende de dois fatores: manutenção dos indicadores relacionados à pandemia e autorização por parte da Secretaria da Saúde (Sesa) do Estado.

Conforme as prefeituras ouvidas, as festas de réveillon serão utilizadas "como teste" para realização do evento carnavalesco, que no próximo ano cairá em março.

Em nota, a Sesa ressaltou que "todas as decisões do Plano de Retomada Responsável das Atividades Econômicas e Comportamentais são baseadas em estudos epidemiológicos e relatórios técnicos, atualizadas periodicamente conforme monitoramento".

RISCO DE TRANSMISSÃO

Ao comentar os riscos de festas de fim de ano para um eventual aumento de casos, especialistas ouvidos pelo Diário do Nordeste fizeram alertas que também servem para o carnaval.

Para, o infectologista Keny Colares, consultor da Escola de Saúde Pública do Ceará (ESP/CE), “é possível que a gente tenha novas ondas de Covid no primeiro semestre de 2022, mas provavelmente menores do que as anteriores”.

Já a virologista, epidemiologista e professora da UFC Caroline Gurgel lembra que “há risco de transmissão em qualquer evento”, já que “não se sabe se pode surgir uma variante que seja refratária às vacinas”.

É possível conviver com a pandemia, desde que tenha responsabilidade. Geralmente, as novas ondas começam com surtos familiares. Então, as recomendações são as que já conhecemos.
Caroline Gurgel
Epidemiologista

PLANO EM ANDAMENTO 

O secretário de Esporte, Cultura e Turismo de São Benedito, Fernando Reutman Rodrigues Sales, confirmou que nesta quinta-feira (4) a pasta dará início "à preparação de um plano paralelo para realização do Carnaval". Ele, no entanto, reforça que este documento só será posto em execução com a liberação da Sesa.

"Temos que aguardar a posição do governo do Estado. Acreditamos que as festas de fim de ano vão ser eventos testes para o carnaval. De todo modo, já nos reunimos e vamos traçar estratégias para a organização. Nossos indicadores nos permitem esse avanço", destacou.

Historicamente, o Município recebe até 30 mil pessoas por dia. "Movimentamos mais de um milhão ao dia", estimou Reutman.

Segundo ele, São Benedito está há quatro semanas sem nenhum registro de infecção por Covid-19. "Há um mês não temos entrada de nenhuma paciente infectado e, por isso, desativamos o hospital de Campanha. Os indicadores estão em baixa e a vacinação segue em rítimo acelerado", acrescento Reutman.

Conforme o Vacinômetro da Sesa, São Benedito já imunizou, com as duas doses, ou dose única, 91,7% da população geral do Município. O IBGE estima 48.354 moradores no Município e, segundo dados da Sesa, já foram imunizados completamente (DU ou D2) 44.352 pessoas. 

Vamos acompanhar o cenário [da pandemia] e aguardar posição da Sesa. Mas, temos sim, interesse de realizar Carnaval no próximo ano.
Fernando Reutman Rodrigues Sales
Secretário de Esporte, Cultura e Turismo de São Benedito

De acordo com o IntegraSus, plataforma oficial da Sesa, o último caso de infecção registrado em São Benedito aconteceu no dia 15 de setembro. 

Legenda: São Benedito recebia, por noite, cerca de 30 mil pessoas
Foto: Divulgação

O secretário de Cultura e Comunicação de Jijoca de Jericoacoara, Celiomar Araújo, destacou que a cidade não realizará festa especificamente voltada ao Carnaval devido as comemorações do aniversário da cidade, que acontece em março.

"O aniversário [do Município] é dia 6. Então dias 5 e 6 serão realizadas as festas. E, como nesse ano, o carnaval será no começo de março, não realizaremos por esse motivo de proximidade de datas", destacou.

Contudo, Celiomar antecipou que o Município "está apoiando as bandinhas carnavalescas da Vila de Jeri, que são tradicionais". O mesmo acontece em Guaramiranga, na região Serrana. A assessoria do Município pontuou que "durante o carnaval é realizado apenas o Festival Jazz e Blues, evento que a prefeitura é parceira".

Questionada se o evento no próximo ano será realizado e, se terá ampliação da capacidade de público, a assessoria destacou que a organização está dialogando e definindo as diretrizes. 

PESPECTIVA DE FOLIA EM 2022

A assessoria de Paracuru, cidade cujo evento carnavalesco tem ampla tradição, informou que, antes do réveillon, a cidade terá "uma série de eventos testes, de menor porte, sendo a festa de virada de ano, o principal termômetro para o Carnaval".

Ainda segundo a gestão municipal, a intenção é de realizar o evento no próximo ano, respeitando todos os protocolos, mas que a confirmação depende da Sesa. "Vamos deixar tudo engatilhado, fazer um planejamento prévio para aguardamos apenas os futuros decretos", acrescentou. 

Conforme dados da Sesa, Paracuru imunizou completamente 60% de sua população geral. Somando dose úncia (DU) e D2, foram aplicadas 18.849 vacinas contra a Covid-19. A última infecção, também conforme a Sesa, aconteceu no dia 14 de outubro.

A assessoria de comunicação de Aracati, destino mais procurado durante o feriado de Carnaval no Ceará, também afirmou que "a realização dos eventos estão sendo planejados para caso seja liberado pela Secretaria de Saúde do Estado". O Município destacou ainda que, caso ocorram as festas carnavalescas, "seguirá rigorosamente os protocolos estabelecidos". 

A perspectiva, no entanto, é de que ocorra a festa. "A cidade continua mantendo alta taxa de vacinação e segue sem internações". Conforme dados da Sesa, Aracati imunizou, completamente, 53% da população geral. Foram aplicadas, até esta quarta-feira (3), 39.909 doses, somando DU e D2.

Já o último registro de infecção no Município, ainda conforme a Sesa, aconteceu no dia 9 de outubro. A reportagem não conseguiu contato com as prefeiturasde Beberibe Camocim

Sobre o autor

Adicione aqui uma descrição do dono do blog ou do postador do blog ok

0 comentários:

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
.
Voltar ao topo ↑
RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES

© 2013 IpuemFoco - Rádialista Rogério Palhano - Desenvolvido Por - LuizHeenriquee