Pages

sábado, 7 de julho de 2018

''MEU NOIVO CHAMA-SE MAGNO MALTA'',DIZ BOLSONARO

Por Rogerio Palhano   Postado  sábado, julho 07, 2018   Sem Comentários

“Meu noivo chama-se Magno Malta”, disse o deputado federal Jair Bolsonaro. A afirmação foi feita em resposta à pergunta sobre se aceitaria ter um quadro como companheira de chapa a advogada Janaína Paschoal, que declarou apoio ao parlamentar na corrida presidencial.

Bolsonaro aproveitou a entrevista para retomar críticas ao PT, a movimentos de sem-terra, às restrições ao porte de armas, à urna eletrônica e às restrições à obtenção de licenças ambientais. Ao mencionar especificamente a dificuldade de obtenção de licenciamento ambiental para grandes projetos, o deputado disparou: “Em certas coisa você tem que beirar a da informalidade.”

Sobre como pretende lidar com MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra) caso seja eleito, Bolsonaro prometeu coibir ao máximo as atividades do grupo. “Ações do MST têm que ser tipificadas como atos de terrorismo.”

Bolsonaro aproveitou para avisar que pretende participar de todos os debates na televisão. De acordo com ele, esta será, inclusive, uma maneira de compensar a falta de tempo que terá no horário eleitoral gratuito.

O parlamentar defendeu uma desburocratização do País, que não dependa se aumento de impostos. Questionado sobre a montagem da equipe de campanha e de um eventual governo, ele disse haver “muita gente boa” aderindo ao projeto liderado por ele.

Quilombolas

Em uma tentativa de atenuar os efeitos eleitorais da denúncia da PGR (Procuradoria-Geral da República) contra Bolsonaro pelo crime de racismo, o presidenciável participará de um evento com quilombolas em Parauapebas (PA) no próximo dia 13.

Apresentada em abril ao STF (Supremo Tribunal Federal) pela procuradora-geral da República, Raquel Dodge, a acusação contra o pré-candidato ao Palácio do Planalto foi baseada em declarações nas quais o deputado afirmou que quilombolas “não servem nem para procriar”.

O evento na cidade paraense, a cerca de 530 quilômetros de Belém, é organizado por Paulo Quilombola, líder da Federação das Comunidades Quilombolas do Pará, que, até o mês passado, apoiava a candidatura do senador Alvaro Dias (Podemos-PR) à Presidência da República.

Apesar das declarações em que Bolsonaro ataca os quilombolas, Paulo divulgou, no último dia 28, um vídeo em que anunciou o rompimento com Dias e a adesão à candidatura do deputado. Ele esteve com Bolsonaro na semana passada, em Brasília.

“Os inimigos de Jair Bolsonaro também são inimigos da federação e das populações tradicionais do Estado do Pará”, afirmou Paulo Quilombola no vídeo. “Todos que perseguem Bolsonaro perseguem também a federação, porque estão com medo da mudança. Eu apoio Jair Bolsonaro e sei que, se ele assumir o Brasil, muita coisa vai mudar, muita coisa que está errada dentro do movimento afroindígena, dentro do movimento negro, vai mudar.”

Ao anunciar que iria a Parauapebas, durante sabatina na CNI (Confederação Nacional da Indústria), na última quarta-feira, Bolsonaro disse que os quilombolas “querem uma nova Lei Áurea”, em referência à lei de 1988 que aboliu a escravidão no Brasil: “Os senhores vão ver o atendimento que eu vou ter das comunidades indígenas locais e dos quilombolas. Os quilombolas querem uma nova Lei Áurea”.

Embora se diga representante dos quilombolas paraenses, Paulo Quilombola já foi alvo de uma nota de repúdio da Coordenação Nacional de Articulação das Comunidades Negras Rurais Quilombolas, divulgada em abril.

Denúncia

A PGR denunciou Jair Bolsonaro ao STF pelo crime de racismo contra negros, quilombolas e refugiados durante uma palestra no Clube Hebraica do Rio de Janeiro, em abril de 2017. No discurso que o levou a ser denunciado, o parlamentar disse que os quilombolas “não fazem nada, eu acho que nem pra procriar eles servem mais”.OSUL

Sobre o autor

Adicione aqui uma descrição do dono do blog ou do postador do blog ok

0 comentários:

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Voltar ao topo ↑
RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES

© 2013 IpuemFoco - Rádialista Rogério Palhano - Desenvolvido Por - LuizHeenriquee