Pages

sexta-feira, 6 de julho de 2018

ELEIÇÕES;DESCUBRA POR QUANTOS PARTIDOS MARINA SILVA PASSOU ATÉ A PRÉ-CANDIDATURA À PRESIDÊNCIA

Por Rogerio Palhano   Postado  sexta-feira, julho 06, 2018   Sem Comentários



Antes de iniciar carreira política, Marina Silva fazia parte do Partido Revolucionário Comunista (PRC), organização marxista considerada braço do PT.

Ainda foi professora e engajada no movimento sindical, além de companheira de Chico Mendes na fundação da Central Única dos Trabalhadores (CUT) do estado do Acre, em 1985.

Filiada oficialmente ao PT, em 1986, candidatou-se à Câmara Federal, mas não foi eleita. Somente em 1988, foi eleita a cargo político, sendo a candidata à vereadora mais votada de Rio Branco-AC. A única eleita por partido de esquerda naquele pleito.

Em 1990, candidatou-se a deputada estadual e conseguiu a maior votação naquela eleição. Ainda pelo PT, foi eleita senadora pelo estado do Acre, novamente com a maior votação. Marina foi a pessoa mais jovem a ocupar o cargo de senador da República, aos 36 anos.

A acreana cumpriu dois mandatos como senadora, de 1994 a 2008. Entre esse período, foi escolhida por Lula como ministra do Meio Ambiente, cargo que ocupou de 2003 a maio de 2008.

No mesmo ano, deixou o Partido dos Trabalhadores e se filiou ao PV, após movimento iniciado pelo Partido Verde Europeu e desentendimentos com a gestão petista. Em 2009, Marina foi anunciada pré-candidata à Presidência pela sigla nas eleições de 2010. Após grande subida nas intenções de voto nos últimos dias de campanha, Marina ficou em terceiro lugar naquela eleição, com 19,636 milhões de votos (19,3%).

Depois de sua saída do PV em 2011, Marina tentou formar o próprio partido, que defederia uma política baseada na sustentabilidade. 

Às vésperas da eleição de 2014, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) negou o registro do novo partido por ele não possuir o número mínimo de assinatura exigidas pela legislação eleitoral, e Marina confirmou apoio a Eduardo Campos, o pré-candidato do PSB à Presidência. 

A ex-ministra foi considerada filiada honorária do partido em outubro de 2013, enquanto esperava a oficialização do registro do seu partido, a Rede Sustentabilidade.

Com a morte de Eduardo Campos no ano da eleição, em 2014, Marina Silva, que era sua vice, concorreu pela segunda vez à Presidência da República. Nessas eleições, ela conseguiu mais votos que na anterior, ficando em terceiro lugar com 22,1 milhões de votos válidos (21,3%).

Após a aprovação do registro da Rede Sustentabilidade em 2015, Marina deixou o PSB e lidera a Rede. Na sigla, a quinta de sua carreira política, irá disputar em 2018 a terceira eleição para presidente.OPOVO

Sobre o autor

Adicione aqui uma descrição do dono do blog ou do postador do blog ok

0 comentários:

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Voltar ao topo ↑
RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES

© 2013 IpuemFoco - Rádialista Rogério Palhano - Desenvolvido Por - LuizHeenriquee