Pages

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

CID GOMES É ABSOLVIDO POR CORRER EM AEROPORTO EM 2012

Por Rogerio Palhano   Postado  segunda-feira, outubro 30, 2017   Sem Comentários


O ex-governador Cid Gomes (PDT) foi absolvido por, ainda no seu mandato à frente do Estado em 2012, ter corrido na pista do Aeroporto de Salvador e atrapalhado a aterrissagem

de dois aviões. A sentença é do último dia 25 de outubro, do juiz Antônio Oswaldo Scarpa, da 17ª Vara Especializada Criminal do Estado da Bahia.

O caso ocorreu no dia 9 de novembro daquele ano, quando ele, apressado para ir a um encontro com a então presidente Dilma Rousseff (PT) em um evento da Sudene, não quis esperar autorização da torre de comando para desembarcar.

O feito foi processado pelo Ministério Público, com base no artigo 261 do Código Penal Brasileiro, que pune com dois a cinco anos de reclusão ato que exponha a perigo “embarcação ou aeronave, própria ou alheia, ou praticar qualquer ato tendente a impedir ou dificultar navegação marítima, fluvial ou aérea”.

O juiz considerou, no entanto, que “não é possível presumir” que os transtornos causados pelo então governador tenham gerado “perigo concreto”, porque o desembarque de Cid foi imediatamente relatado à torre de comando e também porque ele não teria sido informado dos possíveis riscos da ação.

Relembre

O piloto do avião contou em depoimento, que Cid o indagou “reiterada e insistentemente sobre o excesso de espera”, ao que ele respondeu que “estava aguardando autorização da torre”, relata a sentença.

Diante da resposta, Cid disse que “se (ele) não cruzasse a pista naquele instante, iria descer e atravessar a pé Não tendo sido atendidas as expectativas do então governador, afirmou o piloto que foi surpreendido pela abertura da porta da aeronave”, descendo e sendo seguido pelo seu secretário de Governo Nelson Martins.

O piloto, então, relatou imediatamente o ocorrido à torre de comando, que atuou para atrasar a aterrissagem de dois voos, um da Gol e outro da Avianca. No texto, o juiz ainda diz que a suspensão das operações de pouso são procedimentos da aviação muito comuns e frequentes no mundo inteiro, “muito embora as causas não sejam as mesmas que (…) do presente caso”.LETÍCIA ALVES

Sobre o autor

Adicione aqui uma descrição do dono do blog ou do postador do blog ok

0 comentários:

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Voltar ao topo ↑
RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES

© 2013 IpuemFoco - Rádialista Rogério Palhano - Desenvolvido Por - LuizHeenriquee