Pages

terça-feira, 27 de junho de 2017

MINISTRO BLAIRO MAGGI SOBRE AVIÃO COM COCAÍNA: FAZENDA É EXTENSA, ALVO DO TRÁFICO

Por Rogerio Palhano   Postado  terça-feira, junho 27, 2017   Sem Comentários


O Ministro da Agricultura e Pecuária do governo Michel Temer, Blairo Maggi, tentou explicar a polêmica envolvendo a decolagem de um avião com 500 quilos de cocaína da
Fazenda Itamarati, no Mato Grosso, arrendada ao grupo Amaggi, de propriedade de sua família.

Em seu Twitter, o ministro justificou dizendo que "a fazenda Itamarati (região de Campo Novo do Parecis) é extensa" e por isso seria difícil de ser fiscalizada. Além disso, o local "enfrenta como MT a ação vulnerável do tráfico". Ele declarou ainda que "o local da decolagem da aeronave na fazenda arrendada pela Amaggi será investigado. Piloto, que está desaparecido, tem que prestar informação".

A aeronave decolou no município de Campo Novo do Parecis (MT) com destino a Santo Antonio Leverger (MT). 


O bimotor somente pousou em uma área rural após um caça da FAB disparar um tiro de advertência quando o piloto se recusou a cumprir uma ordem para pousar em um aeródromo próximo.

As justificativas do ministro foram alvo de crítica dos usuários do Twitter: "Se acham 650 quilos de cocaína em minha fazenda, até eu explicar que berimbau não é gaita, sou preso por 30 anos por tráfico internacional de drogas", respondeu um internauta.

O ministro replicou, dizendo que a região, assim como todo o estado do Mato Grosso, é rota do tráfico de drogas. "#MT é um estado continental, vulnerável à ação do tráfico internacional pelas fronteiras que possui", escreveu.
247

Sobre o autor

Adicione aqui uma descrição do dono do blog ou do postador do blog ok

0 comentários:

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Voltar ao topo ↑
RECEBA NOSSAS ATUALIZAÇÕES

© 2013 IpuemFoco - Rádialista Rogério Palhano - Desenvolvido Por - LuizHeenriquee